Categorias
Hardware

Radeon RX 6900XT OC Formula é boa? Vale a pena?

A ASRock anunciou recentemente a placa de vídeo Radeon RX 6900XT OC Formula. Ela promete vir com um novo sistema de resfriamento.

A ASRock anunciou recentemente a placa de vídeo Radeon RX 6900XT OC Formula. Ela promete vir com um novo sistema de resfriamento mais avançado que melhora a dispersão de calor de forma integral e sistematizada. A memória tem 16 GB e uma das mais atuais tecnologias: VRAM GDDR6. O comprimento dos chips e a espessura são menores para que a latência seja quase inexistente e não se perca desempenho durante as partidas mais avançadas com tiros.

Pode-se dizer ainda que é mais barata que a RTX 3080 e está na mesma escala que ela. Os preços estão mais caros já que o dólar está acima de R$ 5 e elas se baseiam nele para a definição. Já há suposições de que a RTX 3080 esteja a caminho de Los Angeles e que o lançamento da mesma esteja próximo.

Outro ponto é que a placa conta ainda com 5120 stream processors em microarquitetura AMD RDNA de segunda geração e chega a seus 2475/ Up to 2295 MHz.

A tecnologia é de 7 nm, ainda menor que a geração RTX 3000 da Nvidia que possui 8 nm. Para aqueles que jogam games de entrada, é uma mudança pequena mas que pode ser extremamente considerável quando se fala de partidas online, por exemplo.

Outro ponto é que a Radeon RX 6900XT OC promete desempenho de overclock acima da geração de sua concorrente. Ela é ideal para aqueles que desejam o melhor desempenho aliado a gráficos expressivos e consideráveis em textura e qualidade.

Radeon RX 6900XT OC Formula é boa? Vale a pena?

Radeon RX 6900XT OC é boa?

O ideal para saber definir o desempenho da Radeon RX 6900XT OC comparar com outras concorrentes. Neste espaço, falaremos mais sobre a RTX 3090 que, atualmente, custa o dobro do valor. Aqui, nota-se que pagar pelo mais caro nem sempre é a melhor opção: apesar da 3090 ser o dobro, é feita em tecnologia 8 nm e tem velocidade de 1.400 MHz em clock base, turbo de até 1.700 MHz.

Ela ganha, entretanto, quando se fala de interface de memória que chega a 384 bits enquanto a Radeon possui 256.

Os gastos de energia também são consideravelmente maiores, chegando a 1000 W enquanto a 3090 é de menos de 400W. Ambas possuem ventoinhas com sistemas avançados de refrigeração que dispersam o calor de forma integral e satisfatória.

Outro ponto que merece destaque é a resolução em 7680 x 4320 que mostra os mínimos detalhes com o máximo de nitidez a textura. Com certeza: é recomendada para os jogos mais robustos e para jogadores extremamente exigentes quando o assunto é quadro por segundo, os famosos FPS durante a overclock.

Vale ressaltar também que, diferente de uma RX 550, a Radeon RX 6900XT OC foi criada especialmente para o estresse máximo na overclock e possui os coolers específicos para isso, ou seja, dispersar a lidar com altas demandas de calor.

Geralmente, as placas de entrada não são feitas para se obter o máximo de overclock e processamento já que o cooler e sistema de refrigeração não é suficiente.

Radeon RX 6900XT OC Formula é boa? Vale a pena?

Mais sobre as especificações

Outro ponto de destaque é a iluminação de LED ARGB com Polychrome SYNC e a compatibilidade com as placas da Asrock. Ela ainda conta com três conexões DisplayPort 1.4 e uma saída de vídeo HDMI 2.1 que são ideais para aqueles que precisam de mais conexões.

Outra observação é que, segundo o Adrenaline, a placa suporta, no mínimo, 60 FPS em qualquer jogo. Então, é qualidade garantida sem mesmo precisar obter-se o máximo de desempenho da mesma.

Quando o assunto se trata de mineração de Bitcoin ou Ether, os valores variam bastante mas são inferiores a uma RTX 3080 já que chega a uma média de 70 MH/s. Não há informações específicas sobre como ocorre o desempenho da placa para a mineração mas se sabe que é ótima para os games.

Também não é recomendado que se utilize a mesma para minerar já que, com o passar do tempo, a Radeon RX 6900XT OC pode, após muito overclock, apresentar os danos como pingos indesejados nas telas.

Caso prefira mesmo assim usar para esse fim, ela ainda é bastante eficaz quando comparada com outras alternativas. Contudo, recomenda-se guiar para as criptomoedas mais baratas, como é o caso do Dogecoin e outras opções.

Leia mais: Criptomoedas mais fáceis de minerar: quais são?

Não esqueça de ler mais artigos sobre review e tecnologia ao conhecer o nosso blog, clique aqui!